Aprenda como estudar para passar em concursos públicos

como estudar para passar em concurso público

Como estudar para concursos públicos é uma dúvida que permeia a vida até dos melhores concurseiros.

A estabilidade financeira é uma das metas mais almejadas pelos candidatos.

Por este motivo, cargos para serviços públicos têm chamado cada vez mais atenção por oferecer, além da tão sonhada estabilidade, uma série de outros benefícios.

No entanto, para conquistar este sonho, é preciso passar em concursos públicos.

Assim, mesmo que você esteja atento às oportunidades oferecidas por cada área, além das datas de cada prova, é fundamental investir em uma preparação, garantindo resultados mais satisfatórios sobre cada questão.

Provas aplicadas despertam grande atenção e, consequentemente, a concorrência se torna ainda mais acirrada.

Isso acaba exigindo mais de cada candidato e apresentando um nível mais alto de dificuldade, além de conteúdos mais extensos.

Portanto, estudar para aquele cargo tão desejado, não é fácil. São necessários estudos, organização, disciplina, foco e, acima de tudo, dedicação. Não basta apenas estudar, você deve saber como estudar.

Pensando em tudo isso, preparamos este guia completo para orientá-lo em sua trajetória de estudos em alcançar o cargo dos seus sonhos. Acompanhe!

1. Entre de cabeça no mundo dos concursos públicos.

Se você está focado em como estudar para concursos públicos, é essencial que descubra os próximos passos que terá de dar.

Portanto, ao pensar em como estudar para concursos públicos, você deve primeiro saber se a escolha do cargo está alinhada com as suas ambições pessoais e profissionais e se há condições que o permita alcançar estes resultados.

Hoje em dia, é possível encontrar um leque de informações e conteúdos sobre concursos públicos.

Além disso, muitos deles são gratuitos, publicados diariamente e possuem o tema exato daquilo que você está buscando.

estudando para concurso público

Com uma boa pesquisa, é possível encontrar previsões para os próximos concursos.

A partir daí você poderá escolher as melhores estratégias para preparar o seu plano de estudos.

Uma dica que pode te ajudar nessa fase é buscar depoimentos de candidatos aprovados assim como o dia-a-dia de um servidor público, da instituição em você irá pleitear o cargo.

Conteúdos como esses, permitirão que você tenha uma visão mais abrangente sobre os aspectos que permeiam os estudos para concurso público.

Aliás, é possível acompanhar aulas gratuitas no YouTube, assistir a webinars, encontrar professores e especialistas da área.

Também é interessante até mesmo segui-los nas redes sociais, onde você terá conteúdos diários sobre aquilo que está buscando.

Grupos no Facebook e fóruns voltados exclusivamente para a sua área, também são um belo jeito de aumentar o leque de informações sobre o cargo que você pretende conquistar.

Além disso, é importante que, ao decidir estudar para concursos, se mantenha ativo nos ambientes de concurso.

Isso é ficar de olho nas movimentações dos órgãos públicos para a contratação de novos profissionais.

Inclusive, esta também é uma boa maneira de sanar dúvidas sobre questões que possam surgir durante a preparação dos estudos, tais como, dicas para estudar uma disciplina específica, métodos de organização e muito mais.

2. Escolha sua área de estudo e defina o seu foco

Escolha sua área de estudo e defina o seu foco no concurso público

Se tratando em como estudar para concursos públicos, é importante saber que o estudo não se restringe a somente ser aprovado em uma prova, mas também para alcançar o seu objetivo final. Ou seja, se tornar um servidor público.

Assim, ao passar por todo o processo de estudos, que vai desde a preparação até o resultado da prova, você terá uma carreira que o acompanhará em grande parte de sua vida.

Por esta razão, é fundamental que você faça uma escolha assertiva das áreas do concurso que tenha mais afinidade, e claro, que estejam relacionadas com as áreas que você deseja atuar profissionalmente.

As matérias requisitadas nas provas de cada cargo baseiam-se nas competências exigidas pelos candidatos para o desempenho de suas funções.

Neste sentido, o ideal é que você escolha uma área por afinidade ou por já possuir conhecimento na área.

Busque uma carreira em que você se imagina trabalhando feliz. Que coisa mais chata é ter que ir para um trabalho que não te realiza, não é mesmo?

E, além disso, por si só, o processo de aprendizagem se tornará mais prático e rápido.

A seguir, você confere as principais áreas de concursos. Confira:

  • Bancários;
  • Saúde;
  • Educação;
  • Tribunais;
  • Controle e Gestão;
  • Policiais;
  • Administrativa;
  • Jurídicos;
  • Fiscais;
  • Legislativos.

Estude com disciplinas básicas

Antes de tudo, é importante notar que nos órgãos de administração pública, existe uma diversidade de carreiras diferentes.

E, ainda que não tenham formação específica ou mesmo não possuam como requisito cursos superiores, também é possível se tornar um servidor público.

Por exemplo, no Poder Judiciário, embora o cargo principal seja o de Juiz, existe uma variedade de outros cargos que compõe a equipe operacional dos tribunais.

Geralmente são formados por auxiliares administrativos e técnicos, podendo haver (ou não) especialidade definida.

Mesmo que você já tenha um cargo bem definido, nossa recomendação é não se limitar a estudar para apenas um cargo específico durante a sua preparação.

Assim, se o seu objetivo é alcançar o cargo de Delegado de Polícia, a melhor sugestão é começar estudando por materiais básicos sobre as carreiras policiais. Ou seja, de uma forma mais abrangente, mas sem sair do foco inicial.

Isso permitirá que você desfrute de um leque maior de opções, o possibilitando migrar para concursos dentro de uma mesma área. E claro tudo de acordo com as oportunidades que forem surgindo ao longo da jornada.

Seguindo o mesmo exemplo, se em um determinado momento for publicado um edital para polícia civil, você poderá realizar a prova apenas como um treino, ou, quem sabe, uma “concurso-inicial” até alcançar seu objetivo final.

Ao fazer uma boa avaliação e ter definido a área pretendida, evite migrar para áreas que sejam completamente diferentes. Além de fazer com que você se perca em meio a disciplinas distintas, terá que dispor de mais tempo e esforços desnecessários.

O foco deve ser prioridade desde o começo! 🎯😉

3. Crie um espaço apropriado e confortável para estudos

ambiente adequado de estudo para concurso

Antes de começar o seu planejamento de estudos, é interessante que você organize um espaço específico. Afinal, é comum associarmos certos cômodos da casa aos nossos sentimentos.

Já reparou nisso?

Desse modo, estudar se tornará uma tarefa diária para quem deseja passar em concursos públicos. Assim, além do tempo, é importante que você reserve um ambiente específico para essa atividade.

Aliás, você deve organizar a área de estudo para que as tarefas se tornem mais confortáveis e divertidas.

Lembre-se que a luz é sua aliada.

Quanto melhor a iluminação do ambiente, melhor vai ser sua facilidade para focar nos estudos.

Entretanto, além de tudo o que falamos não se esqueça de deixar o cantinho com cara de “seu”. Adicione alguns porta-retratos ou itens decorativos que o façam se sentir bem.

A experiência de um espaço customizado pode trazer uma série de sensações confortáveis, e é mais um dos truques que vão te ajudar a estudar para concurso público.

4. Cuide do seu corpo e mantenha sua mente afiada

De nada adianta seguir as demais dicas, se o seu corpo e mente estiver desalinhada com o seu plano de estudos.

A saúde do seu corpo, tanto quanto da sua mente, é fundamental para a sua aprovação em concursos públicos.

Por isso, nossa recomendação é investir na prática de esportes, alimentação adequada, atividades de lazer, tempos de descanso e tudo aquilo que seja capaz de manter a sua mente sadia.

A seguir, apresentamos algumas dicas sobre como estudar para concursos públicos alinhando suas tarefas às necessidades primordiais de seu corpo. Aproveite!

Crie uma rotina de atividades físicas – em especial a aeróbica

Via de regra, atividades físicas são uma verdadeira mão na roda na vida do concurseiro iniciante, embora isso também vale até para os mais veteranos.

Exercício físico permite renovar as energias, refrescar a mente e aumentar a disposição, o que significa ser essencial aliá-lo à sua jornada de estudos, de modo que se torne um hábito.

Além disso, atividades físicas induzem à produção de endorfina, o hormônio que ameniza a sensibilidade às dores, promovendo o bem-estar e o relaxamento físico.

Em outras palavras, você terá mais concentração em suas tarefas e reduzirá à zero a ansiedade e o estresse que atrapalham constantemente o raciocínio durante a preparação.

Você pode apostar em diversos tipos de exercícios, tais como saltos, atividades que envolvam força, exercícios de peso e muitos outros.

Entretanto, os que mais se destacam são os aeróbicos, que promovem uma maior oxigenação do cérebro, elevação das reservas de energia dos músculos, e claro, aumento da resistência.

Dentre os exemplos, estão as caminhadas, pular cordas, subir e descer escadas, entre muitos outros.

Esse é um tipo de atividade física adequada para todos, visto que não requer recursos financeiros. Tudo o que você precisa é de tênis e disposição.

Tenha uma boa alimentação

Ter uma alimentação balanceada e rica em nutrientes, além de estimular a memória e ajudar na hora dos estudos, também é uma dica eficiente em como estudar para concursos públicos.

Entre alguns alimentos capazes de turbinar o raciocínio, aumentar o foco e preservar as lembranças, estão:

  • Sementes como nozes e castanhas;
  • Chocolate de sabor meio ou amargo;
  • Chá, especialmente preto e verde;
  • Abacate;
  • Azeite de oliva;
  • Peixes;
  • Legumes como espinafre, brócolis e afins;
  • Suco de uva.

 

Durma muito bem

Pessoa dormindo

Manter o foco e a dedicação é fundamental para vida do concurseiro. No entanto, é preciso saber a hora de parar e dedicar um pouco do seu tempo para horários de relaxamento e descanso.

Antes de tudo, lembre-se que sobrecarregar a mente não é a melhor decisão para quem deseja alcançar bons resultados.

Dormir é uma das ferramentas mais importantes ao estudar para concursos públicos.

 Assim, após uma bela noite de sono ao voltar para os estudos, tais conteúdos irão fluir de maneira mais leve e saudável, o que é extremamente benéfico para você!

Além das 7 ou 8 horas de sono, recomendadas pelos especialistas da área, você também pode utilizar ciclos de descanso para relaxar durante cada matéria e assim se manter mais focado em suas atividades.

Mas lembre-se: nada que o faça perder o foco do que realmente é importante.

5. Comece a estudar com antecedência

Pessoa estudando

Quando o assunto é como estudar para concursos públicos, o tempo é determinante para o sucesso ou fracasso do candidato.

Por isso, é necessário começar a estudar desde cedo. No geral, após a liberação do edital de um concurso público, os candidatos têm de 45 a 90 dias para se preparar para o dia da prova.

Sendo assim, para estudar melhor, é fundamental que você conheça o estilo das questões, além das diferentes dicas para começar a estudar antecipadamente.

Dessa forma, assim que o edital for publicado, você estará mais preparado para a prova, além de não se assustar com as “pegadinhas” que possam surgir no decorrer do edital.

A seguir, confira algumas dicas para estudar antecipadamente para concursos públicos:

  • Confira editais anteriores: conferir editais anteriores é um bom jeito de se preparar, mesmo antes do edital ser liberado.

São a partir dessa análise que você conseguirá definir quais serão as disciplinas básicas a serem estudadas, além da distribuição das questões para cada matéria e suas importâncias na prova;

  • Informe-se sobre as bancas: bancas organizadoras costumam apresentar abordagens diferentes de um mesmo conteúdo.

Neste sentido, é de grande importância que você realize uma pesquisa sobre as bancas que regularmente organizam as provas de seu interesse.

Porque é a partir disso que você determinará o foco dos estudos antes do edital;

  • Estude disciplinas básicas: uma vez que não há certeza das matérias exatas que cairão na prova, assim como, os programas que serão abordados.

A melhor dica é estudar através de disciplinas básicas, se concentrando nas matérias específicas apenas quando o edital for liberado.

6. Organize os estudos e se planeje

Pessoa se planejando-como estudar para concursos públicos

Ao adotar uma rotina de estudos consistente, será bem mais fácil alcançar a sua meta.

É importante saber que planejar o que deve ser estudado será fundamental para você ter uma visão abrangente de tudo aquilo que deve ser feito e priorizado.

Além disso, ao ter um bom planejamento, você desfrutará de mais tempo para realizar outras atividades como exercícios físicos e ter momentos de relaxamento.

Pode não parecer, mas ter esses momentos de descanso é muito importante para obter sucesso em qualquer prova de ampla concorrência.

Outro ponto positivo é que a organização dos estudos pode proporcionar ganho de tempo.

Assim você consegue realizar a revisão do conteúdo alguns dias antes da prova, sem que isso se torne sufocante.

Para te ajudar nessa missão, a seguir, listamos algumas dicas para organizar seus estudos e se planejar de modo mais eficiente. Confira:

Defina um horário de estudo e crie um hábito

Acima de tudo, uma prova de concurso público requer uma preparação em longo prazo e, como tal, estudar precisa se tornar um hábito.

O primeiro passo é estabelecer um horário do seu dia para começar a estudar. Desse modo, seu cérebro assimilará determinado horário à sua rotina de estudos, o que permitirá que se torne um hábito, como tomar um banho ou se alimentar.

No entanto, isso não significa que você deva ir “direto ao pote”, mas que inicie esse novo hábito de forma gradativa e saudável, de modo que os estudos não se transformem em um fardo.

Antes de tudo, você pode começar essa jornada se inserindo no universo dos concursos. Isto é, assistindo alguns vídeos e palestras que explicam sobre as provas, a metodologia e a área escolhida.

Com o tempo, você notará que, o que antes parecia um problema, tem se tornado algo cada vez mais satisfatório.

Leia o edital e faça análise do conteúdo programático

Geralmente, o conteúdo programático aparece no final do edital de abertura, muitas vezes acompanhado de referências bibliográficas.

Se você está procurando métodos sobre como estudar para concursos públicos, é importante se ligar nisso:

  • Normalmente, a quantidade exata de questões tende a aparecer no mesmo tópico ou naqueles onde há detalhes sobre questões objetivas (por vezes disponíveis no edital ou em anexos separados).

Assim, antes de fazer um planejamento de estudo final, reserve algum tempo para determinar todas as disciplinas que já foram estudadas.

Dessa forma, você terá um levantamento sobre o que precisa ser revisado e tudo aquilo que precisa começar “do zero”.

Também, organize uma lista com todos os itens do conteúdo programático e assinale “OK” para aqueles que já foram trabalhados anteriormente.

Com isso, você terá uma visão mais abrangente do que deve ser levado em conta na hora de montar o seu cronograma. E claro, se já decorou algum item em estudos passados, tudo o que terá a fazer é revisá-lo e responder alguns simulados.

Além disso, mesmo que o edital não tenha sido publicado, você poderá se basear em certames anteriores, como uma forma de antecipar aquilo que deve ser estudado oficialmente.

 

Selecione materiais de estudo com base no conteúdo programático

Graças aos avanços da tecnologia, agora temos acesso a uma grande quantidade de materiais didáticos, geralmente gratuitos. No entanto, isso não significa que você deve sair baixando ou acessando tudo o que vê pela frente.

Além de demandar mais do seu tempo, isso também gerará mais confusão para os seus estudos.

Afinal, de nada adianta se basear em assuntos que não constam no conteúdo programático e para evitar que isso aconteça, selecione apenas os itens que tenham relação com a área do seu interesse.

Atualmente, você pode encontrar inúmeras empresas que oferecem apostilas e cursos à distância baseado no edital a ser trabalhado.

Por isso, vale a pena fazer uma busca sobre as opções que podem te ajudar a aperfeiçoar esse processo.

No entanto, caso não seja possível adquirir materiais de estudo, fique tranquilo (a)!

Com apenas alguns cliques você encontra uma variedade de artigos e cursos gratuitos sobre o tema.

Crie um cronograma de estudos

A princípio, estudar para concursos públicos pode não soar como a tarefa mais fácil do mundo. No entanto, o resultado final sempre valerá cada esforço cedido.

Por isso, para definir um cronograma de estudos de sucesso, você precisa considerar alguns pontos:

  • A data em que a prova objetiva será aplicada (o que acompanha o seu prazo final de estudos);
  • Requisitos previstos no edital de abertura;
  • Disciplinas das quais a teoria completa precisa ser analisada;
  • Conteúdos a serem revisados;
  • O tempo necessário para resolver simulados;
  • Tempo disponível para os estudos;
  • Eventos prioritários que você deve comparecer durante o processo.

Antes de tudo, lembre-se de priorizar prazos, metas e prioridades. Eles são muito importantes!

Além disso, o tempo utilizado deve ser proporcional ao nível de dificuldade de cada disciplina. Mas é claro, é importante que você saiba que nem sempre dará conta de estudar tudo aquilo que gostaria.

Nestes casos, não precisa se culpar, acontece até com os melhores! O importante é otimizar seus estudos em matérias com peso superior às demais.

7. Faça resumos e revisões

Pessoa fazendo um resumo-como estudar para concursos públicos

Um bom cronograma de estudos é essencial para alcançar a nota máxima em qualquer concurso público, mas, para que o resultado seja alcançado, é preciso que você realize revisões periódicas dos conteúdos já estudados.

Responder questões anteriores, por exemplo, é um bom jeito de avaliar se a metodologia aplicada está gerando retornos, além de ficar por dentro de detalhes que talvez tenham passado despercebidos. Muito fácil né?

O material de revisão também não precisa ser extenso e nem mesmo demandar de uma grande parte do seu tempo para ser desenvolvido e estudado.

Na verdade, esta é apenas uma forma de relembrar, de forma rápida, tudo o que foi estudado ao longo da semana.

Além disso, não se esqueça dos resumos, mapas mentais e anotações. São ótimas ferramentas de revisão.

8. Faça muitos exercícios e resolva muitas questões

Quando você começa a estudar para concursos públicos, é importante colocar seus conhecimentos em prática.

O fato é que ler apostilas ou assistir vídeo aulas não é mais suficiente. Diversos estudos já comprovam que fazer exercícios ajuda na fixação do conteúdo, por isso, responder questões relacionadas àquilo que você estudou, é um bom jeito de alcançar seus objetivos mais ambiciosos.

A resolução de provas anteriores e de questões específicas de cada matéria é indispensável durante o processo de aprendizagem.

Além das questões relacionadas ao conteúdo já estudado, reserve pelo menos um dia da semana para resolver a prova do concurso escolhido, ou, quem sabe, uma prova da banca organizadora que desenvolve as questões presentes no edital.

Outra boa maneira de treinar para as provas é através dos simulados. Além das inúmeras vantagens em estudar com questões, essa é uma representação real do dia da prova.

Afinal, não basta apenas ter o preparo intelectual, mas o candidato deve estar emocionalmente preparado para o que virá pela frente. Essa também é mais uma das grandes dicas em como estudar para concursos públicos, que tal?

9. Resolva provas de concursos anteriores

Pessoa resolvendo provas antigas-como estudar para concursos públicos

O estilo das provas é tão importante quanto às disciplinas em si.

Portanto, estudar através de provas anteriores é um bom jeito de se preparar antes da liberação do edital.

Assim, você terá uma visão abrangente sobre o estilo de raciocínio da prova, as relações com a banca e os padrões de perguntas e respostas.

Mas é claro, você deve ir atrás de informações sobre a banca organizadora e entender quais tipos de perguntas é frequente.

Somente através dessa avaliação, você conseguirá obter respostas sobre questões semelhantes que podem cair e o estilo da sua prova.

10. Mantenha a motivação

Motivação-como estudar para concursos públicos

Antes de iniciar os estudos, muitos candidatos se esquecem de estabelecer as metas e objetivos de curto em longo prazo.

Afinal, é isso o que irá norteá-los, tanto em relação à constância de seus estudos, quanto em seu planejamento pessoal. Por isso, vale a pena reservar um momento para calcular a “rota” dos caminhos onde você deseja chegar.

Saber o que realmente te motiva como servidor público é uma das principais mentalidades para se obter sucesso diante dos estudos.

Tanto a rotina, quanto a cobrança interna e externa, assim como outros fatores que podem tirar o seu foco da preparação, é preciso ser visto como prioridade. E não há melhor jeito para isso do que se manter motivado.

A motivação consiste em uma variedade de práticas que devem ser executadas regularmente em sua vida.

E para te ajudar, separamos uma lista com três dicas sobre como se manter estimulado a continuar com os seus estudos, e claro, para que você não tenha mais dúvidas sobre como estudar para concursos públicos. Vamos lá?

Estabelecer pequenas recompensas por realizar suas metas

Estudar às vezes é chato, cansativo, exige disciplina, esforço, tempo, concentração, compromisso e muita, muita paciência. 😢😩

É toda a demanda do trabalho regular, mas sem o salário no começo do mês.

Por isso, se manter focado é uma ferramenta indispensável na vida do concurseiro iniciante (ou até mesmo para aqueles que estão se arriscando pela 2ª, 3ª vez).

Ao construir o seu cronograma de estudos, inclua nele recompensas, que serão utilizadas como verdadeiros incentivos durante o seu progresso.

Estas recompensas podem ser utilizadas ao terminar uma determinada matéria, ao ficar duas semanas consecutivas sem pular os estudos ou mesmo ao gabaritar um simulado. Pode ser qualquer coisa!

O importante é que você reconheça seus avanços na área e entenda que mereça ser premiado por isso. Embora essa decisão parta de si mesmo.

O faça entender que seus esforços nos estudos trarão uma recompensa maior (o seu cargo). Portanto, enquanto esse grande dia não chega, pequenas recompensas o farão manter o foco em estudar.

Não precisa se presentear com o último carro do ano, pode ser algumas horas a mais assistindo uma série na Netflix, um passeio no final de semana ou até mesmo um chocolate pelo dever cumprido.

Manter um tempo livre para fazer atividades que gosta

Se tratando em como estudar para concursos públicos, se manter sobrecarregado de conteúdos nunca será o melhor caminho.

Além de prejudicar a qualidade dos seus estudos, isso também influenciará diretamente nos resultados da sua prova. Sendo assim, reserve um tempo livre para fazer algumas atividades que lhe tragam prazer.

Pode ser maratonar sua série favorita, praticar alguns exercícios físicos ou ter um momento mais zen em meio à natureza.

Saiba, portanto, que reservar algumas horinhas longe dos estudos é de extrema importância para o seu aprendizado.

É nessas horas que você conseguirá ter mais tempo para assimilar e digerir tudo aquilo que leu, tornando tudo mais fluido e saudável.

Crie um painel de visualização com as conquistas que o concurso vai te dar

Crie um painel de visualização com as conquistas que o concurso vai te dar

Atuar como servidor público pode garantir inúmeros benefícios à sua vida, tais como boa remuneração, estabilidade, satisfação em ser útil para sociedade e por aí vai.

Entretanto, também existem os objetivos (ou sonhos) que vão além do status da sua carreira.

Isso inclui comprar aquela casa desejada, o carro dos sonhos, uma viagem de férias para um lugar paradisíaco, ou quaisquer outras coisas que o façam se sentir plenamente realizado.

Então, o que acha de tirar seus sonhos e objetivos da mente e colocá-los em um local facilmente acessível, como um painel de visualização, por exemplo?

Também conhecido por mural dos sonhos, essa é uma boa maneira de mantê-lo motivado, visualizando tudo aquilo que você almeja ao conquistar o seu objetivo final.

Na internet, existem milhares de pessoas apresentando dicas valiosas para criação de um, e você notará o quão fácil é indispensável manter este quadro será importante para a sua preparação.

E se tratando em como estudar para concursos públicos, essa é uma dica que deve ser levada pra vida inteira. 🥱😌

Conclusão

Agora que você já conhece as melhores dicas e como colocá-las em prática para conquistar este grande sonho, que tal conferir mais dicas sobre como estudar para concursos públicos?

Publicamos conteúdos constantes sobre estudos, concursos, notícias da área e muito mais.

Ah, e tem outras dicas para manter o foco? Qual sua opinião sobre o nosso artigo? Por favor, compartilhem conosco!

Lembre-se: quando todo mundo se ajuda, mais longe a gente chega!

Bons estudos e ótima prova!

Veja também o nosso artigo: Ciclo de estudos: uma ferramenta que pode revolucionar a sua rotina

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima